(41) 99664-5024 [email protected]

VOCÊ JÁ SABE QUAIS SÃO SEUS SISTEMAS REPRESENTACIONAIS?

Sistemas Representacionais, é uma ferramenta de Coaching que pode mudar positivamente a maneira como se comunica e potencializar o seu aprendizado.

OS CINCO SENTIDOS

Todos temos pontos de contato com o mundo que nos cerca, esses pontos chamados e 5 sentidos:

  1. VISÃO – com este sentido conseguimos perceber através dos olhos como são as coisas à nossa volta, quais suas formas, tamanho, cores e proximidade.
  2. AUDIÇÃO – ouvimos e compreendemos palavras, timbres, frequências, volume, tessitura (se é um som grave, médio ou agudo)
  3. OLFATO – Pelas vias nasais conseguimos perceber cheiros, aromas e odores.
  4. PALADAR – O paladar pelas papilas gustativas distribuídas em pontos específicos da boca, permite que possamos conhecer e apreciar sabores salgados, doces, azedos e amargos.
  5. TATO – O tato é como temos contato com o mundo físico pelo toque. Pelo tato, reconhecemos texturas, umidade, calor e frio do que tocamos.

O QUE SÃO SISTEMAS REPRESENTACIONAIS

Iniciei escrevendo sobre os 5 sentidos para que você possa diferenciar os tipos de pessoas que se comunicam e aprendem mais usando um ou outro sentido mais do que outros.

Há pessoas que aprendem melhor quando assistem, outras quando ouvem e outras ainda quando praticam fisicamente o que acabaram de aprender.

Isso não é igual para todos, cada um de nós tem um “sistema” que “representa” a forma como iremos assimilar melhor uma informação.

Dividimos os sistemas representacionais em 3, são eles:

VISUAL

Esse é o sistema de quem gosta mais de aprender por informações visuais. Esses preferem buscar informação na leitura ou na observação, do que perguntar para alguém.

Quem é visual consegue entender rapidamente uma situação vendo o todo (macro), mesmo que as informações parecem escassas para outras pessoas.

Falam rápido como se todos estivesse vendo o que ele vê e por isso não tem tanta paciência com os que necessitam de maiores explicações e detalhadas sobre um assunto.

AUDITIVO

Este tipo de pessoa tem mais facilidade para aprender e compreender o mundo à sua volta pela audição.

Gostam de criar um diálogo interno durante a comunicação e nesse diálogo tentam entender o que está sendo dito e/ou ensinado por alguém.

Este diálogo interno precisa fazer sentido para que possa organizar as ideias e processar as informações que está recebendo.

Apesar de serem auditivos, os ruídos incomoda mais a esses do que os outros, são pessoas que valorizam o silêncio e são extremamente seletivos ao que querem ouvir.

CINESTÉSICO

É o sistema de quem prefere contato físico, interação e comunicação, são falantes e gostam mais de aprender fazendo do que apenas ouvindo explicações teóricas.

O cinestésico, têm a tendência de fazer muitas perguntas, procuram sentido, validade e utilidade prática para aquilo que estão aprendendo. A leitura não é um de seus pontos fortes.

 

QUAIS AS VANTAGENS DE CONHECER SISTEMAS REPRESENTACIONAIS

Essa é uma das ferramentas que usamos em um processo de Coaching e é muito útil para que o cliente tenha autoconhecimento e assertividade na forma de se comunicar e aprender.

Isso serve para o melhorar seu convívio social, familiar e acadêmico.

Todos nós temos os 3 Sistemas Representacionais, só que em proporções diferentes

NA COMUNICAÇÃO

Quando você consegue perceber qual é o sistema representacional do seu interlocutor, a comunicação fica mais eficiente, você pode se fazer entender usando termos e exemplificações que soam mais familiares para a outra pessoa:

Exemplo 1

Se você está se comunicando com um visual, sua linguagem pode usar figuras de linguagem como:

– Como você se vê nessa situação?

– Consegue ver uma saída?

– Aos seus olhos, como isso parece para você?

– Tente ver essa situação de modo diferente.

– Busque entender o ponto de vista da outra pessoa.

Exemplo 2

Se você está se comunicando com um auditivo, sua linguagem pode usar figuras de linguagem como:

– Ouça o que diz o seu coração.

– Como isso que eu disse soa para você?

– Gostaria de conversar mais com você a respeito disso.

– O que eu disse agora, faz sentido para você?

– O que você realmente quis dizer com isso?

Exemplo 3

Se você está se comunicando com um cinestésico, sua linguagem pode usar figuras de linguagem como:

– Você pode sentir como isso muda tudo?

– Isso não te embrulha o estomago?

– Não aja no calor do momento, esfrie a cabeça antes de responder.

– Guarde essas palavras no seu coração.

– Se esta situação não te cheira bem, fuja!

 

NO APRENDIZADO

As pessoas que conhecem qual é o seu sistema representacional, pode buscar a melhor forma de aprender algo, encurtando o tempo de estudo, usando recursos que contemplem mais a sua forma de se comunicar e entender o mudo à sua volta.

Sabendo, por exemplo, que seu sistema representacional seja visual, que método de aprendizagem de inglês seria melhor para você? E se for auditivo? E se for cinestésico?

Para quem o sistema representacional é o visual, tem mais facilidade de ler um livro, ou instruções para aprender algo.

Para o auditivo, é melhor ouvir instruções em uma mídia de áudio, audiolivro, ou ainda alguém ensinando.

O cinestésico tem preferência em aprender de modo que possa executar manualmente o que está aprendendo e de alguma forma o emocionar, melhor será o aprendizado.

Voltando ao seu passado, lembra que quando seus professores da escola passavam uma matéria no quadro?

Alguns alunos entediam e copiavam rapidamente, enquanto outros não tinham entendido e demoravam mais para copiar no caderno o que estava escrito no quadro.

Isso não que dizer que os que demoravam mais para entender ou copiar eram menos inteligentes, mas que a maneira que os professores ensinavam, não contemplava o sistema representacional de cada aluno e numa sala com muitos alunos, isso seria quase impossível.

Ainda lembrando seu passado estudantil, lembra de que você aprendia mais com alguns professores do que com outros? Alguns deles conseguiam atingir seu sistema representacional e outros não.

Faziam isso tão bem, que até as matérias que não gostavam pareciam mais fáceis com esses determinados professores.

Deixando o passado no passado, o que você pode fazer hoje para melhorar a sua comunicação e aprendizado, conhecendo um pouco mais das pessoas com quem convive, trabalha e negocia?

Como pode se valer dessas informações para ter um desempenho melhor na forma com você aprende e estuda?

Se você se interessou nesta ferramenta de Coaching e quer baixar o seu teste de SISTEMAS REPRESENTACIONAIS gratuitamente, para aplicar na sua comunicação e estudos, mande um e-mail para mim, que te encaminho a ferramenta gratuitamente.

[email protected]

Abraço.